No sufoco, Noroeste vence Catanduvense e deixa o Z6

No sufoco, Noroeste vence Catanduvense e deixa o Z6

Alvirrubro alcançou 24 pontos, passou o Comercial no saldo de gols e respira fora da zona de rebaixamento

Por Bruno Freitas

Em partida para testar o coração da torcida na manhã deste domingo (9), o Noroeste derrotou o já rebaixado Grêmio Catanduvense por 1 x 0, no estádio Alfredo de Castilho, e somou mais três pontos que tiraram a traveller’s diarrhoea equipe da zona de rebaixamento da Série A3 do Campeonato Paulista 2017.

Com o resultado, o time do técnico Vitor Hugo, somou, nos últimos quatro jogos, três vitórias e um empate, agora, com 24 pontos, na provisória 13ª colocação, já que o Marília ainda não entrou em campo e o Comercial, que empatou em 1 x 1, beneficiou o Norusca.

O frágil Catanduvense, no primeiro tempo, assustou o Noroeste com jogadas trabalhadas pelos extremos do campo, chegando, inclusive, a assustar a meta do goleiro Airon. O Noroeste também agrediu a defesa adversária, mas as principais jogadas eram a partir de bolas paradas, nas cobranças, seja de falta ou de escanteio, pelos laterais Thiago Félix e Luan.

Correndo contra o tempo, ainda com 0 a 0 no placar, o Norusca perdeu muitas chances de gol, principalmente no segundo tempo. Fernandinho, Edrean, Aguilar, Rodolfo e Gabriel Barcos tiveram chances claras para definir, mas o time pecou muito pela falta de pontaria. Até que aos 37 minutos do segundo tempo, em cruzamento partindo da esquerda, Rodolfo, que havia entrado no lugar de Diego Iatecola, cabeceou a bola para o fundo do gol, 1 x 0 Noroeste, com muita festa da torcida e dos jogadores.

Na sequência, só deu Norusca, que poderia ter saído de campo com um placar muito mais elástico, mas faltou detalhes e um pouco mais de capricho na hora do arremate final.

“O importante foi o três pontos. Estamos vindo de uma sequência positiva e agora é trabalhar durante a semana para fazer mais um bom resultado na última rodada, contra o Monte Azul, fora de casa, para livrar, de vez, o Noroeste dessa possibilidade do rebaixamento”, disse o técnico Vitor Hugo.

Outro que vem se destacando muito nos últimos jogos, pela velocidade e habilidade, o atacante Fernandinho, também avaliou a partida. “Tivemos chances de matar o jogo, pecamos na definição, mas o importante foi os três pontos. Agora é trabalhar durante a semana, corrigir o que o professor está nos passando e trazer mais uma vitória para o Noroeste na última rodada”.

SALVAÇÃO NO DOMINGO DE PÁSCOA

O último e decisivo jogo do Noroeste no campeonato será no dia 16 de abril, às 10h, contra o Monte Azul, em Monte Azul Paulista, num domingo de Páscoa, onde, na tradição cristã, Jesus renasceu. Data mais do que significativa para que o Noroeste conquiste sua salvação definitiva para se manter na Série A3 do ano que vem e dispute a Copa Paulista no segundo semestre.

Deixe uma resposta

Fechar Menu