Noroeste comemora boa campanha e defesas consistentes

Noroeste comemora boa campanha e defesas consistentes

Alemão, treinador de goleiros, revela como é feito o trabalho de preparação dos meninos em Bauru, no projeto de reestruturação e formação de atletas durante o Paulista

 Por Bruno Freitas

A goleada do time sub-15 do Noroeste diante do Lemense, por 9 a 0, conquistado no último sábado, em Bauru, traz à tona, mais uma vez, que os resultados positivos do trabalho da formação de atletas profissionais do Esporte Clube Noroeste, sob a coordenação técnica de Émerson Carvalho, estão aparecendo. Mas os números mostram que, apesar do resultado elástico, o principal setor hoje das equipes sub-15 e sub-17, que fazem ótimas campanhas no Campeonato Paulista, é a defesa. E não é para menos. A exigência defensiva é maior porque os meninos têm como espelho, no dia a dia, a presença do próprio Émerson, um ex-zagueiro do São Paulo e da Portuguesa, que defendeu a Seleção Brasileira em jogos das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2002, vestindo a camisa 3, ao lado de Ronaldinho Gaúcho, Rivaldo, Romário e companhia. ASSISTA VÍDEO MAIS ABAIXO.

E a preparação para um grande time profissional, que começa pela base, precisa de bons goleiros. E é este o trabalho de um ex-profissional do Noroeste que coloca os meninos para suar a camisa. Everton Carvalho da Silva, o “Alemão”, é um dos casos raros de jogadores que atuaram no futsal profissional e no futebol de campo. Ele foi goleiro de futsal durante nove anos, de 1997 a 2006, e jogou no Noroeste em 1995.

Alemão contou um pouco do trabalho desenvolvido com os meninos do Norusca. “Buscamos estar sempre atualizados com o que é feito em grandes clubes pelo Brasil e no exterior. Fazemos muita observação e anotamos diariamente pontos fortes e aqueles detalhes que os meninos têm mais dificuldade. Os treinos têm perfis personalizados de acordo com o atleta e categoria. Não dá pra fazer um treino semelhante para pessoas com características diferentes”, revela Alemão. Ainda segundo ele, diferentemente do profissional, na base, onde os meninos ainda estão em fase de crescimento, é necessário foco na coordenação motora, reflexo, explosão, técnicas de combate ao atacante no mano a mano, saída de bola aérea e muito treino com os pés. É um aprendizado contínuo. “Aqui o Matheus Doryco (sub-17) joga como um líbero quando precisa. Ele poderia jogar na linha, se quisesse. A defesa avança e ele se posiciona como último homem, dependendo do esquema tático traçado para aquela partida específica e do resultado do jogo. Semelhante ao que já é natural no futsal. Ai o time se abre e temos mais opções de passe. E é por isso que no sub-17 sofremos apenas 3 gols em 7 jogos.”, contou o treinador de goleiros.

Campanhas superiores a gigantes paulistas

No Campeonato Paulista as equipes do sub-15 e sub-17 revelam defesas consistentes. Em sete jogos, o sub-15, do técnico Élton Carvalho, é líder isolado do grupo 3 com 17 pontos. O time balançou as redes 21 vezes e sofreu 5 gols. Sendo um deles após pênalti bastante controverso. E o sub-17, do técnico Eduardo Guadagnucci, é vice-líder do grupo 3 com 15 pontos, apenas dois atrás da Ferroviária. O Norusquinha marcou 10 gols e sofreu apenas 3, sendo a melhor defesa de todo grupo e a terceira melhor de todos os times que disputam a competição, atrás de Corinthians, líder do grupo 8, com 18 pontos e 2 gols sofridos, e Flamengo (SP), vice-líder do grupo 8, com 12 pontos e dois gols contra sua meta. Ainda no sub-17, a campanha é superior ou mesmo semelhante ao de outros três grandes do Estado de São Paulo. O tricolor paulista é vice-líder do grupo 6, com 15 pontos e 6 gols sofridos. O Palmeiras lidera o grupo 7 com 16 pontos e 5 gols sofridos. O Santos, tido como um dos maiores clubes reveladores de jogadores da atualidade no Brasil, amarga a 4ª colocação do grupo 9, com 9 pontos e 9 gols tomados.

No sub-15 a comparação do Noroeste e os grandes clubes paulistas é a seguinte: o Alvirrubro lidera seu grupo com 17 pontos. O São Paulo tem 18, o Palmeiras tem 15, o Corinthians tem 12 e o Santos 18 pontos.

ASSISTA

Deixe uma resposta

Fechar Menu