Sub-11 do Noroeste classifica e faz campanha superior a grandes de SP

Sub-11 do Noroeste classifica e faz campanha superior a grandes de SP

Norusquinhas, em seu primeiro ano da nova categoria, ultrapassa em números o Corinthians e o São Paulo

A equipe sub-11 do Noroeste, comandada pelo técnico Leandro Barboza, o Mumu, e o coordenador Paulinho Iacanga, vem registrando números impressionantes em seu primeiro Campeonato Paulista da categoria. Apesar do elenco ter sido formado recentemente, os norusquinhas, como passaram a ser chamados os garotos da base, alcançaram 30 pontos no último domingo, ao golearem o Ituano por 5 a 2, em Itu, na 15 ª rodada do estadual.
Restando apenas três rodadas para o término do returno da primeira fase, o Noroeste já garantiu matematicamente a classificação. Em 13 jogos, foram nove vitórias, três empates e apenas uma derrota. Os norusquinhas marcaram incríveis 28 gols, sendo o melhor ataque do grupo 1. Sofreu nove.
Contra o Ituano, os gols foram marcados por Adati, Vinicinho, Matheus e dois do artilheiro Galinho, que já balançou as redes adversárias seis vezes nesta primeira fase.

Fazem parte também da comissão técnica o auxiliar Gabriel Rodrigues e a secretária Cátia de Oliveira.

CAMPANHA SUPERIOR A DE CORINTHIANS E SÃO PAULO

No grupo 2, o Noroeste supera todos os seus oito adversários. São eles a Ponte Preta (2º, 27 pts), Internacional de Limeira (3º, 24 pts), Independente de Limeira (4º, 23 pts), Rio Branco (5º, 23 pts), Rio Claro (6º, 16 pts), Ituano (7º, 12 pts), Primavera (8º, 9 pts) e Jaguariúna (9º, 0 pts). Somando todos os times de todos os quatro grupos, em se tratando em número de pontos, o Noroeste está atrás apenas do atual campeão e favorito Palmeiras, líder e invicto do grupo 3 com 37 pontos, e do Santos, referência na formação de atletas de base, que lidera o grupo 4 com 34 pontos. Os norusquinhas superam também potências da base, como o Corinthians, que está na vice-liderança do grupo 3 com 27 pontos e o São Paulo, terceiro colocado no grupo 4 com 24 pontos. Os números dos bauruenses superam ainda os tradicionais Guarani (25 pts), Marília (25 pts), Botafogo-SP (22 pts) e Comercial (15 pts).
“Não visamos título, até porque é apenas o primeiro ano desta categoria. Mas os meninos se adaptaram muito rápido ao formato de treinos específicos e os jogos em nível de competição. Nossa campanha poderia ser ainda melhor se os jogos contra os adversários não fossem em cidades tão distantes, mas o resultado de tudo isso, apesar de ser só o início, tem sido muito positivo”, disse o técnico Mumu, por meio da assessoria de imprensa noroestina.
O treinador ainda fez um agradecimento aos pais. “O apoio dos pais e familiares tem sido fundamental. Eles estão sempre apoiando na arquibancada dos jogos em casa e alguns viajam para prestigiar os meninos nas partidas em outras cidades também.”
O coordenador Paulinho Iacanga também falou sobre o trabalho. “Base é tudo. O Noroeste está no caminho certo. Anteriormente não havia essas categorias menores no clube e daqui para frente já podemos pensar que daqui pouco tempo esses meninos estarão vestindo a camisa do profissional”.
Nas outras categorias, o sub-13, sexto colocado com 13 pontos no grupo 1, matematicamente não tem mais chances de classificação. Já o sub-20, quarto colocado do grupo 1 com 31 pontos, ainda não tem a classificação garantida e precisa somar pontos nos três próximos jogos para ficar com a vaga à próxima fase. No ano que vem o Noroeste irá resgatar novamente as categorias sub-15 e sub-17.

Deixe uma resposta

Fechar Menu